A apostasia deste século

0
418
apostasia
Apostasia deste século

A apostasia deste século não deve ser ignorada.

Vemos cada vez mais traidores entre nós, e isso ocorre até mesmo dentro das igrejas, muitos apostatas estão escondidos pelo templo, alguns vão para as igrejas mas já não seguem a palavra do Senhor, pois caíram nas tentações mundanas.

O tema é de grande relevância, e por muitas vezes é ignorado, tempos difíceis se aproximaram e cada vez mais o diabo busca desvirtuar a igreja, através da desmoralização e dos desejos da carne.

Quantas vezes você viu irmãos de fé renunciarem os próprios ensinamentos de Deus?

Então, o momento é de abrirmos os olhos e nos fortalecermos na fé para não cairmos nas armadilhas do maligno. Saibam que a apostasia descrita em 2 Tessalonicenses 2 é real, não caiam nas investidas do diabo.

Apostasia

Vivemos tempos difíceis, onde a igreja se afasta cada vez mais dos ensinamentos de Deus.

Uma igreja sem fundamento em Cristo está fadada a cair em apostasia, como também a se tornar vítima de sua própria negligência, pois, o maligno, não brinca em serviço e, como diz a própria bíblia, o próprio está ao nosso derredor — bramindo como leão —, buscando a quem possa tragar.

Muito disso está atribuído a falsa fé, a aqueles que fingem acreditar na palavra, mas que já não vivem conforme os princípios da verdadeira fé, ou então aqueles que se afastam de Cristo para viverem suas rotinas mundanas. Já em casos mais graves a apostasia consiste no abandono completo da fé cristã, a traição da própria alma, e neste aspecto a pessoa se encontra totalmente fora dos princípios de JESUS.

Paul Washer

O pregador Paul Washer nos alerta que o fim dos tempos havia se iniciado desde a vinda, a morte, a ressurreição e ascensão do nosso Messias, e por esse mesmo motivo Cristo veio nos salvar, mas mesmo depois de tantos avisos muitos ainda não abriram seus olhos para a realidade. E desde então muitos que fingem seguir Cristo caíram em apostasia, fugindo da fé e abandonando as doutrinas centrais de Cristo.

Conforme Paul Washer há diversos patamares de distanciamentos da fé, e inclusive existem erros que não se classificam como apostatas, os erros e desvios mais leves podem fazer parte da própria natureza imperfeita dos homens, mas é preciso ter cuidado, pois erros propositais e contínuos geram o afastamento da fé, que repercute na apostasia de primeiro grau.

De um lado da batalha o Reino segue progredindo, através da palavra proclamada, e do outro lado o anticristo continua levando pessoas para a perdição, gerando apostatas que se perdem cada vez mais por não abrirem os olhos diante da verdade.

Paulo Junior

O pastor Paulo Junior nos avisa que devemos ficar atentos com os sinais, a apostasia demarca o fim dos tempos, e junto dela viria o governo mundial, formado por um só exército, e isso já pode ser visto nos dias de hoje, os globalistas cada vez mais tentam eliminar as nações para que tenham um único sistema central, para que assim controlem a humanidade.  É preciso combater a apostasia, pois o abandono dos princípios cristãos e valores morais demonstra o perigo da heresia, mergulhando a sociedade no caos do anticristo, que cada vez mais vem dando as caras através do declínio social, afundando vidas e almas em um mar sombrio.

Os apostatas vivem em torno de mentiras mundanas, distorcem as palavras e ofendem a fé cristã, utilizando de metodologias covardes para que novos apostatas venham a cair nas mentiras do anticristo. Mais uma vez é preciso abrir os olhos, observar o cenário que vem surgindo, tanto no âmbito global quanto nacional. Em muitos países os cristãos já são perseguidos, pois a escuridão teme a luz, e eles sabem que a mentira nunca será maior que a verdade, e assim recorrem a covardia da brutalidade.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui