O que a Bíblia diz sobre guerras?

O mundo sempre passa por períodos de guerras, e vamos mostrar aqui o que a Bíblia diz sobre guerras.

Pois diferente do que a maioria das pessoas acreditam a Bíblia fala muito sobre guerras. Antes mesmo da criação do mundo, a palavra de Deus já relata que houve uma guerra nos céus.

Encontramos essa história marcada nos livros de Ezequiel 28 e Isaías 14. São as duas principais passagens bíblicas que mostram a grande guerra que houve no céu, e dessa forma a entrada do pecado no universo por ocasião da queda de Satanás.

Um dos significados do nome de Deus é: Senhor dos exércitos. Isso porque o Antigo Testamento praticamente descreve um cenário de guerra. Onde existiram diversos períodos em que o povo de Deus teve que batalhar contra diversos povos inimigos.

E ali eles lutaram e guerrearam em nome do Senhor, o Deus dos exércitos.

Deus permite que a guerra exista, porém não é o que Ele planejou desde do princípio. E por isso devemos observar atentamente o que a Bíblia diz sobre guerras, pois tudo que acontece no mundo tem um propósito divino.

Guerras na Bíblia

Os livros históricos do Antigo Testamento retratam um período de muitas guerras. E você pode até pensar que o Deus do passado era um Deus violento. Porém não era sem motivo que o povo entrava em guerras.

“É por causa da maldade destas nações que Jeová, seu Deus, as expulsa de diante de você.” — Deuteronômio 9:5.

O que a bíblia diz sobre guerras
Imagem Ilustrativa

O povo de Deus lutou contra nações que eram muito violentas e imorais. Os povos dessas nações realizavam coisas que eram abomináveis ao olhos de Deus, como: relações sexuais com animais, cometiam incesto e até matava seus filhos para oferecer a falsos deuses.

Deus não se agradava dessas práticas maldosas e horríveis que esses povos a pagãos faziam. E como um Deus bom e piedoso, concedeu diversos anos para que eles pudessem mudar seus comportamentos pecaminoso.

Porém eles insistiam em cometer esses atos abomináveis, e por isso, Deus disse: “É por meio de todas essas coisas que se tornaram impuras as nações que expulso de diante de vocês.” — Levítico 18:21-25; Jeremias 7:31.

Além disso a Bíblia relata outras histórias de guerras, em que havia o interesse de restabelecer a justiça ou o direito (defesa) de determinado povo. Outras vezes, tratava-se do interesse ambicioso de usar a força para opressão, castigo ou dominação.

A origem das guerras

Você sabe o que a Bíblia diz sobre as guerras e onde elas se originam? Encontramos a resposta para isso no livro de Marcos em que Jesus fala:

“Pois do interior do coração dos homens vêm os maus pensamentos, as imoralidades sexuais, os roubos, os homicídios, os adultérios, as cobiças, as maldades, o engano, a devassidão, a inveja, a calúnia, a arrogância e a insensatez. Todos esses males vêm de dentro e tornam o homem ‘impuro’”. Marcos 7:21-23.

As guerras se originam primeiramente no coração de homens. Com as suas ambições, maldades, enganos, e arrogância, estão em busca de poder.

Ao longo de toda a história do mundo vemos que a ânsia por poder, opressão e domínio estão no cerne da origem de muitos conflitos. Muitas vezes as estratégias utilizadas trazem grandes malefícios para a vida de toda a população geral.

O que a bíblia diz sobre guerras
Tiago capítulo 4 versículo 1

Causando grande dor e sofrimento e um período de grande dificuldade, onde a esperança por dias melhores fica cada vez menor. Chegando a morte sem terem concluído seus sonhos e desejos.

Sem se importar se está sendo feiro de forma justa ou injusta, causam impasses e desacordos que só são resolvidos pelo uso da força.

Tipos de guerra

Muitas pessoas acreditam que a guerra é apenas um conflito entre grandes nações. Porém existem diferentes tipos de guerra, como:

  • Guerra entre povos ou países – Onde os governantes desejam aumentar os seus territórios, conquistar e dominar para ampliação econômica, tecnológica, religiosa ou comercial.
  • Na igreja – quando as divisões, partidarismos, diferentes interpretações e opiniões provocam disputas e conflitos entre irmãos.
  • No trabalho – Quando o egoísmo e a ganância (ambição por promoções, status, etc) falam mais alto que a ética e o espírito de equipe.
  • Na família – quando os seus membros não entendem o seu papel e combatem em vez de amar e respeitar.
  • Guerra espiritual – quando lutamos contra nossa carne, o mundo e o Diabo

O que a Bíblia diz sobre guerras e como acabar com elas

Segundo a Bíblia e os ensinamento que encontramos a solução para que as guerras possam chegar ao fim é a Paz de Cristo. Pois ela excede do entendimento que o mundo tem.

Ela entra em oposição à todo tipo de violência, destruição e morte, a Bíblia nos aconselha o caminho da Paz. Somos orientados a ter paz com todos os homens, no que depender de nós em Romanos 12:18.

A esperança futura que temos é que: Deus dará fim a toda contenda no mundo Isaías 2:4. Pela fé, esperamos um novo tempo em que não haverá mais morte, nem dor Apocalipse 21:4. A Bíblia afirma que somente Deus pode pôr fim às guerras do mundo inteiro.

Veja Também:

Raquel de Paula

Graduada em Ciências Econômicas, Cristã Protestante, e ativa nas atividades da Igreja. Escrevo para O Correio de Deus e para outros sites do Grupo SED.

Deixe um comentário

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo