O verdadeiro Poder das palavras

Você conhece o verdadeiro poder das palavras? Vamos te mostrar a diferença que uma boa escolha de palavras pode fazer na sua vida.

Quando Deus criou o mundo e tudo o que nele há, ele usou apenas palavras. Ele disse: “Haja luz” e houve luz, disse: “Produza a terra alma vivente conforme a sua espécie” e assim nasceram os animais.

Observe que Ele não criou tudo isso com as mãos ou por meio de máquinas. Todo o poder dEle foi canalizado através de sua voz. Isso demonstra o verdadeiro poder das palavras, pois o mundo foi criado através delas.

Deus criou o homem a sua imagem e semelhança. Portanto, assim como a palavra de Deus tem poder, a sua palavra também tem. Veja então a dimensão do poder que você tem, e pondere para que você o use de forma sabia.

Cada palavra que sai de nossa tem o poder de transforma a vida de alguém. Por isso devemos estar atentos ao que temos dito.

Todo cristão deve ter o conhecimento do verdadeiro poder das palavras. A Bíblia sempre deixou claro a importância delas, e como devemos ter cuidado com o que sai de nossa boca.

Tiago 3.10 diz: “De uma mesma boca procede bênção e maldição.” Reflita, o que mais tem saído de sua boca, palavras de bênçãos ou de maldição?

O verdadeiro poder das palavras:

Perdição Eterna

A bíblia relata diversas histórias de pessoas que tiveram suas vidas mudadas apenas por palavras. Vamos nos recordar da história dos ladrões que foram crucificados ao lado de Jesus.

De um lado temos um dos ladrões que mesmo chegando ao final de sua vida, preferiu usar suas últimas palavras para insultar Jesus Cristo. Veja o que ele disse em Lucas 23.39:

“Um dos criminosos que ali estavam dependurados lançava-lhe insultos: “Você não é o Cristo? Salve-se a si mesmo e a nós!”

O verdadeiro poder das palavras (1)
Imagem Ilustrativa

Sem dúvidas ele conhecia a trajetória de Jesus e todos os milagres que Ele realizou. Pois se ele não tivesse esse conhecimento, não estaria o desafiando. Porém dentro desse homem não havia temor. E a escolha de suas palavras o levaram a morte eterna.

Assim como esse ladrão, existem diversas pessoas que sabem a respeito da salvação. Conhecem a palavra de Deus, e os caminhos e os planos que Ele tem para a sua vida.

Mas escolhem usar a sua vida, e as suas palavras para dizerem mentiras e enganar outras pessoas. Maldizer coisas e pessoas, e nunca para falar coisas que glorifiquem a Deus.

Transformação de Vida

Havia outro ladrão, não conhecemos todos os detalhes da vida desse homem, porém sabemos que ele era um ladrão. E por conta de seus atos, foi julgado e condenado. Dessa forma podemos acreditar que esse homem não seguiu as condutas corretamente.

Ela era um pecador assim como eu e você. Pode ter acertado em alguma coisa em sua vida, porém os caminhos que ele decidiu trilhar os levaram a morte. Mas esse homem ainda teve a oportunidade de ter a sua vida transformada.

Transformação de vida
Imagem Ilustrativa

Pois mesmo sendo um ladrão, havia dentro dele temor à Deus. Observe o seu ultimo diálogo em Lucas 23.40-41:

“Mas o outro criminoso o repreendeu, dizendo: “Você não teme a Deus, nem estando sob a mesma sentença? Nós estamos sendo punidos com justiça, porque estamos recebendo o que os nossos atos merecem. Mas este homem não cometeu nenhum mal”.

Nesse momento ele reconhece a soberania de Jesus e demonstra respeito ao usar suas palavras. Mas ele não para apenas nisso, ele percebe então a oportunidade de ter a sua vida salva.

Não para aquele momento, mas sim na eternidade e diz a Jesus:

Então ele disse: “Jesus, lembra-te de mim quando entrares no teu Reino”. Lucas 23.42

Ele usou a suas últimas palavras para fazer um pedido a Jesus. E pode receber a bênção da salvação através delas.

Não deixe que a sua vida esteja quase chegando ao fim, para utilizar ela de uma forma que agrade ao Senhor.

Escolha bem a suas palavras e as suas atitudes para que elas possam atrair bênçãos para a sua vida. Busque por virtude que você pode encontrar através da Bíblia, para que as suas palavras sejam sempre boas.

Que Deus te abençoe!

Veja também:

Raquel de Paula

Graduada em Ciências Econômicas, Cristã Protestante, e ativa nas atividades da Igreja. Escrevo para O Correio de Deus e para outros sites do Grupo SED.

Deixe um comentário

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo