Implante de microchip na mão: A marca da besta chegou?

A muito tempo se ouve falar de implante de microchip no dorso da mão que seria usado para realizar compras, mas que na verdade se trataria da marca da besta.

Isso está descrito no livro de Apocalipse capítulo 13 verso 17 que diz: “…para que ninguém pudesse comprar nem vender, a não ser quem tivesse a marca, que é o nome da besta ou o número do seu nome.”

Essa história chegava assustar e assombrar as pessoas há alguns anos atrás, pois se trata da chegada dos fins dos tempos.

Esse medo principalmente no meio dos cristãos se tornou muito forte devido ao documentário que fez muito sucesso em 1998, que foi transmitido em várias igrejas do país, chamado “Contagem Regressiva para o Armagedom” apresentado por Simon Peterson.

Nesse documentário Simon Peterson faz um estudo escatológico baseado no livro de apocalipse, e traz fatos que acontecem no mundo que mostram os sinais da chegada dos últimos dias.

E deixa claro que chegará o dia em que todos os cidadãos deverão utilizar uma tecnologia que, neste caso, poderia ser um chip implantado sob à pele. Que é conhecido como a marca da besta.

Porém, atualmente o microchip se tornou uma realidade, e está mais perto de entrar em funcionamento do que nunca.

Mas afinal precisamos ter medo do fim dos tempos?

Sentir medo é algo natural principalmente quando se trata de coisas desconhecidas. E falar do apocalipse ainda é um assunto complicado para a maioria das pessoas, porém para aqueles que estão em Cristo não há o que temer!

O microchip é uma realidade

Para quem imagina que a marca da besta ainda está longe de se tornar algo normal e do dia a dia, deve saber que existem empresas que fabricam esses microchips desde 1998.

E já existem pessoas que possuem o microchip instalado em suas mãos. Como é o caso do holandês Patrick Paumen, de 37 anos, que possui o chip instalado desde 2019 e que utiliza o chip como método de pagamento desde então.

Esse chip foi desenvolvido pela empresa anglo-polonesa Walletmor. Que segundo ela se tornou, no ano passado, a primeira empresa a colocar à venda chips de pagamento implantáveis.

Implante de microchip na mao a marca da besta chegou
Imagem Ilustrativa

O chip funciona em qualquer máquina de cartão que aceita pagamento via aproximação. O fundador e presidente-executivo Wojtek Paprota disse: “o implante pode ser usado para pagar uma bebida na praia do Rio, um café em Nova York, um corte de cabelo em Paris — ou no supermercado local”.

A empresa afirma que já vendeu mais de 500 chips, e afirma que é totalmente seguro, tem aprovação regulatória e funciona imediatamente após ser implantado.

Para muitos a ideia de ter um chip implantado ainda causa medo, mas uma pesquisa de 2021 com mais de 4 mil pessoas no Reino Unido e na União Europeia descobriu que 51% consideraram fazer um implante.

No entanto, utilizar esse tipo de tecnologia que tem se tornado cada vez mais avançada, gera desconfiança por guardar dados privados de uma pessoa.

A marca da besta na Bíblia

Em Apocalipse 13 fala que surgiram bestas, uma que virá do mar com aparência de um monstro. E outra besta que virá da terra com aparência de uma cordeiro para enganar os homens, e levarem eles à adoração da primeira besta.

Em um determinado momento diz que a segunda besta ordena que uma marca seja colocada ou na mão ou na testa dos homens. Todos terão a marca da besta, sejam pequenos e grandes, ricos e pobres, livres ou servos.

A marca da besta na bíblia
Imagem Ilustrativa

E afirma que aqueles que não possuem a marca da besta serão impedidos de comprar e vender. Essa marca consiste no nome da Besta, e o número de seu nome que é 666.

O livro do Apocalipse também fala que quem adorar a Besta e sua imagem, e carregar sua marca na testa ou na mão, tomará do vinho da ira de Deus. Ou seja, quem fizer essas coisas será condenado ao tormento eterno.

Mas o livro também revela que aqueles que morreram pelo testemunho de Cristo e pela Palavra de Deus foram os que não adoraram a Besta e não receberam sua marca.

O alerta sobre a marca da Besta

A igreja deve estar em alerta pois a cada dia estamos mais perto do cumprimento das escrituras.

Por isso não se deve negar que a chegada da marca da besta está às portas. Satanás está marcando as pessoas, colocando nelas o pensamento e o padrão deste mundo.

Fazendo com que as pessoas se sintam orgulhosas pelas práticas que vão contra os princípios bíblicos e os mandamentos de Deus.

O resultado disso é que os homens estão vivendo de forma tranquila e satisfeita, achando que não há nada de errado em seus atos. Levando a vida de forma irracional e sem pensar nas consequências futuras.

Implante de microchip na mao a marca da besta chegou
Imagem Ilustrativa

Porém aqueles que são nascidos de Deus devem viver em santidade, mesmo que isso custe sua própria vida. Pois como está escrito em Romanos 12. 2 não se deve conformar com esse mundo, mas viver em constante transformação.

Os que estão em Cristo não podem ser confundidos com os adoradores da Besta, com aqueles que carregam sua marca. Mas devem se mostrar diferentes e resistentes às paixões deste mundo.

Considerações finais

A marca da besta é um convite para a perseverança daqueles que creem em Cristo.

Pois devemos resistir a toda forma de corrupção deste mundo, e somos instruídos e exortados a não aceitar a marca da besta e não adorar a Satanás.

Pois os que ficarem firmes terão a certeza de que reinarão com Cristo eternamente, e receberão o seu galardão. (Apocalipse 20:4)

Por isso devemos cumprir o nosso dever como igreja resistente nesse mundo e não nos deixarmos afetar. E nos mantermos firme e constantes e sempre abundantes na obra do Senhor, pois confiando nEle tenha certeza que esse esforço não será em vão.

Veja também:

Raquel de Paula

Graduada em Ciências Econômicas, Cristã Protestante, e ativa nas atividades da Igreja. Escrevo para O Correio de Deus e para outros sites do Grupo SED.

Deixe um comentário

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo