Pesquisa mostra que voltar à igreja é prioridade do brasileiro no pós-pandemia

Com a pandemia várias coisas mudaram no nosso dia-a-dia. Inclusive poder ir a igreja. E as atividades que antes eram comuns e rotineiras, tivemos que deixar de fazer.

Sabemos que as igrejas sofreram nesse tempo de pandemia e desde então tiveram que adotar novas medidas para continuar cultuando. E uma dessas medidas foi fazer os cultos em modalidade on-line. Que funcionou muito bem, pois mesmo mantendo o distanciamento social, ainda conseguimos nos reunir.

Porém agora com a chegada das vacinas trouxe uma esperança para que a gente possa retornar a nossa vida normal. Que após 2 anos confinados podemos finalmente voltar a frequentar lugares que antes podíamos ir.

Com essa retomada das atividades presenciais a empresa Bateiahem realizou uma pesquisa a respeito de qual seria a prioridade no pós-pandemia. E Cerca de 26% dos brasileiros responderam que tinham desejo voltarem igreja.

A pesquisa investigou quais eram as principais atividades que as pessoas querem fazer após a pandemia. Em segundo lugar após a ir a igreja a atividade que os brasileiros desejam retornar é o turismo representando 17,8% das escolhas.

O retorno a Igreja pós-pandemia

Essa pesquisa foi realizada entre os dias 8 e 27 de julho de 2021. Com uma amostra de 1455 entrevistados. A margem de erro é de 2,6%, para um nível de confiança de 95%.

E mostra que o público mais velho está mais voltado a frequentar a igreja, em um total de 34,5% entre as pessoas de 40 a 49 anos de idade e 33,1% para os entrevistados com 50 anos ou mais. Isso porque é um público mais voltado voltado a fé e que tem maior constância.

Pesquisa mostra que voltar à igreja é prioridade do brasileiro no pós-pandemia
Imagem Ilustrativa

Mas falando de um público mais jovem, eles não estão preocupados com o retorno a igreja. Segundo a pesquisa a população de 20 a 29 anos tem como prioridade ir ao teatro ou a um show, representando 14,6% dessa população. A mesma proporção aparece nos jovens abaixo de 19 anos.

Com todo o cenário da pandemia infelizmente muitos jovens se perderam dos caminhos do Senhor. Sendo assim as igrejas precisão se mobilizar para resgatar novamente a fé desses jovens. Mas não podemos deixar de ressaltar que várias pessoas buscaram Deus para renovar, suas forças pra enfrentar esse tempo difícil.

Por isso não é de se espantar que o desejo de grande parte da população é de voltar à igreja. Para assim agradecer as bênção e os milagres que Deus realizou em suas vidas.

De acordo com o coordenador da pesquisa, o sociólogo Fábio da Silva Gomes, o resultado maior entre os mais velhos se dá pelo fato das denominações mais tradicionais no Brasil serem formadas por pessoas de mais idade, reportou o Correio Braziliense.

Veja também:

Raquel de Paula

Graduada em Ciências Econômicas, sou Cristã Protestante, ativa nas atividades da Igreja. Escrevo para O Correio de Deus e para outros sites do Grupo SED.

Deixe um comentário

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo